Bem-vindos ao CUIDAQUI – lugar de encontrar

por: Marilice Costi

O cuidado é fundamental na vida de todos, mas muito mais na vida de pessoas com deficiências, idosas ou em situações de dependência: os vulneráveis. Temos que cuidar deles, é nosso próximo. 

Quando cuidamos de alguém, o tempo voa… Precisa-se de muitas coisas e corre-se de um lado para outro para dar conta. Passei por isso, ainda passo. Sempre me perguntei se não havia um jeito de perder menos tempo fazendo tantas coisas. Mesmo que eu me organizasse, no final do dia eu estava tão cansada que não tinha ânimo para mais nada, muito menos me cuidar.

Quem cuida precisa de cuidados e de saber cuidar-se também. O que menos existe. São raros os profissionais que cuidam de quem cuida. Sabem bem nos dar listas de atividades, listas de modo de nos comportarmos, listas de como estimular nosso filho. Cadê a lista para nos cuidarmos?

Em associações, no meu bairro, onde eu estiver, sempre existe alguém cuidando de uma pessoa com deficiências. Conheço muitos familiares pelo Brasil, muitos amigos. Entendo profundamente de sentimentos que nos assolam. Estive em muitos hospitais, clínicas, escolas, especialistas. Sei da rejeição, da raiva, do luto, do enfrentamento, do posicionamento com quem não nos escuta, das dificuldades com interdição e curatela, dos riscos de gravidez e de vasectomia, da luta pelas moradias pela qual participo do Movimento Pró-Vida Assistida e muitas outras situações.

Ouvi de políticos que eu queria me livrar de meu filho ao procurar moradia para ele, e de profissionais que eu era mãe fria em 1976!  Morar em casa diferente ou em outra cidade não muda o que sentimentos de preocupação e tomadas de decisões, apenas de cansaço físico. São mais de 40 anos de cuidados! Isso é abandono? Posso dizer que a sociedade abandona os familiares, que não os escuta. Ouço com muita frequência essa fala de mães. E sua dor é real.

Envolvida no trabalho intermitente para cuidar, como não adoecer? E adoecendo, como ficaremos todos? Familiares adoecem. Quem pensa nisso? Nem os familiares pensam, eles adoecem e morrem!

Minha missão é a mesma da que foi firmada na revista O Cuidador: cuidar quem cuida. Meu filho autista a envelopava, etiquetava e levava ao correio. Sua alegria foi também minha. Editei-a durante sete anos.

Revistas O Cuidador encadernadas em três volumes.

A Enciclopédia O Cuidador  – 40 edições

Com a crise tivemos que encerrar essas atividades. Eu não conseguia pensar em outra coisa  não ser como continuar a cuidar. Foram meses de tristeza com o fechamento da O Cuidador impressa. Até que um dia em um evento…e se eu utilizasse o meu conhecimento para criar com redes sociais? E se eu facilitasse a vida dos familiares? Tudo permanecia igual mesmo décadas depois. Muito trabalho, muita procura, muita dificuldade, o cansaço, o desânimo, o adoecimento.

E me atirei ao novo projeto. Durante meses organizei conteúdos, fiz reuniões, pedidos de apoio a amigos especialistas, orçamentos, analisei questões jurídicas, registrei a marca… Aos poucos, o projeto foi saindo do papel. E aí está:

Cuidaqui.com – produtos e serviços para pessoas com Transtorno do Desenvolvimento e Familiares

E assim continuamos a construir o cuidado “uns com os outros” e fazer parcerias. Tanto que se precisa unir as mãos para prosseguir! 

Eu não poderia ficar sem poder conversar com você, ter um espaço de troca. Tantos assuntos importantes a tratar, tanto que precisamos de apoio, orientação, experiência! E surgiu então o  Nosso Blog – Escritos, Artes e Cuidados: lugar onde você pode interagir conosco.

 

Mãos dadas

Mãos dadas como quem anda junto

Queremos melhorar a vida de muitos, construir com a comunidade, estar com você em qualquer lugar.

 

Dar continuidade à nossa missão também com palestras, livros, arteterapia, cuidados integrados. 

Pesquise, divulgue, compartilhe, convide profissionais para se cadastrarem, aqueles que você confia, avalie seus trabalhos em seu cadastro aqui. Quais produtos utiliza e seriam importantes para outros familiares? 

Cuidaqui.com vem sendo construída com muitas pessoas que cuidam! É a SUA plataforma, o seu LUGAR de encontrar o que você precisa para quem você ama e cuida. E é também para você! 

Você precisa de algo? Informe-nos na enquete. E vamos buscar para você!

Sejam todos bem-vindos!

_________________________________________

  • * Marilice Costi – mãe e avó, arteterapeuta, arquiteta, escritora. Ceo Cuidaqui.